Ansiedade
Assuntos relacionados ao stress
Para ir direto ao tema, selecione na caixa abaixo e veja os artigos sobre o assunto.
ver artigos antigos | ver artigos recentes
 
 
Stress e Imunologia
03/07/2003
Autor: Angela Alcântara Benini 
 
Você já imaginou quantos fatores estressantes existem em sua vida?

Se você parasse para pensar, poderia dizer de pronto, coisas do tipo - trânsito, assaltos, falta de dinheiro, desemprego, doenças, divórcio, morte, brigas, etc, etc, etc...

Pois bem, o stress (ou distress como preferem alguns imunologistas) inclui uma gama tão mais variada de itens, que as pessoas nem imaginam.

Por exemplo, quando uma pessoa é promovida em seu trabalho, motivo de grande reconhecimento, alegria e aumento de salário, vem acompanhado também de grande aumento da carga de responsabilidades e afazeres, sem contar as horas de trabalho a mais e a distância da família. Tudo isto é stress.

Quando saímos de férias, que agradável!, porém refletindo bem, você já pensou que os primeiros dias são, na verdade, uma adaptação a uma situação nova, diferente da rotina diária, à qual já estamos adaptados. Mudam os horários de acordar, de dormir, de almoçar, além de preocupações constantes como, se os filhos passaram bloqueador solar ou se estão se alimentando bem, ou mesmo, se estão agasalhados o suficiente. Enfim, o início das férias é realmente stressante, e só nos adaptamos realmente nos últimos dias, antes de voltarmos para casa.

A compra de um carro novo, seja 0 km ou não, normalmente é uma grande mudança de status e conforto, mas, com o pacote vem preocupações com riscos, batidas, estacionamento, roubos, gasto com combustível.... Mais stress!

Daí se percebe que, não só situações desagradáveis são stressantes, algumas boas também o são, as vezes até em grau maior.

Por que enfatizar tanto os momentos stressantes de nossas vidas?

Por que o stress que acompanha estes momentos, causam uma redução sensível na produção de endorfinas (substâncias secretadas pelo próprio organismo), as quais atuam diretamente no nosso sistema imunológico, debilitando-o e facilitando o aparecimento de inúmeras doenças, desde simples gripes até câncer.

No caso do câncer, já existem escalas criadas através de pesquisas, que definem e medem situações bastante stressantes de 3, 6 e 18 meses antes do aparecimento do diagnóstico de tumores. Uma situação stressante causa uma deficiência no sistema imunológico que, por sua vez, propicia a multiplicação desordenada e patológica de determinadas células, que só será diagnosticada 3, 6 ou 18 meses após.

Podemos e devemos evitar ou diminuir ao mínimo a repercussão destas situações stressantes, sem a necessidade de uma doença grave para nos servir de alerta.

Se este artigo lhe interessou cadastre-se em nosso site
Envie este artigo para um amigo
para enviar esta notícia para um amigo, Clique aqui
------------------------------------------------------------
Assuntos relacionados
não há notícias relacionadas